Festival Folclórico de Juruti - FESTRIBAL

O Festribal nasceu de uma ramificação do Festival Folclórico de Juruti onde apresentavam cordões de pássaros, quadrilhas, bumba-meu-boi e carimbó.

Em 1993, surge uma dança indígena de nome "Tribo Munduruku’s mesmo tendo coreografia indígena competiu este ano com o grupo folclórico Ou Vai ou Racha (que se apresentava com mesclagens de danças como carimbó, xote, quadrilhas e outros) Sendo que o resultado oficial foi empate neste ano.

Em 1994, não houve competição entre o grupo folclórico ou vai ou racha e a Associação folclórica Tribo Munduruku’s, sendo que as duas não se apresentaram no festival folclórico de juruti, e realizaram apresentações separadas. O grupo Folclórico Ou vai Ou racha apresentou-se na quadra da praça da republica e a Associação Folclórica Tribo Munduruku na quadra da Escola Estadual Deputado Américo Pereira Lima.

Em 1995, a Professora Aurecilia da Silva Andrade ministrava a disciplina de técnicas de Redação e expressão e solicitou aos alunos um trabalho sobre tribos indígenas. O trabalho foi apresentado em formas de danças e coreografias indígenas na quadra da escola, denominada dança do fogo. A apresentação teve boa repercussão e público, neste mesmo ano no mês de julho o grupo de dança foi convidado a se apresentar no festival folclórico de juruti denominando-se como tribo Muirapinima, gerando oficialmente a primeira competição entre as tribos Munduruku’s e Muirapinima.

A festa retrata a cultura indígena em forma de música, artes cênicas, alegorias e danças. O modo de vida do caboclo, os rituais indígenas, o pescador e o farinheiro são algumas das inspirações do festival.

Atualmente o Festival Folclórico das Tribos Indígenas de Juruti conhecida popularmente por Festribal, é considerado um importante instrumento de fomento ao turismo na região. É um evento democrático de ampla participação popular que incentiva a expressão artística e contribui para a difusão da cultura e desenvolvimento regional, contando com elementos indígenas, da fauna local e musicalidade própria. Fortalecendo como uma das maiores manifestações culturais do Estado do Pará, pois é um evento que agrega criatividade, originalidade e autenticidade, desta forma visa a valorização da produção artesanal, o turismo, a cultura indígena, os artistas locais e regionais, dentre outros, também em decorrência da grandeza do evento que tem uma participação quase na sua totalidade da população de Juruti.

Desde 2008 o Festival Folclórico das Tribos Indígenas de Juruti é considerado Patrimônio Cultural do Pará pela Lei Estadual nº 7.112 de 19 de Março de 2008 e desde 2011 pela Lei Municipal nº 1.010/2011 de 23 de setembro de 2011, foi declarado e reconhecido como Patrimônio Cultural do Município de Juruti.

Sua realização ocorre no último final de semana do mês de julho, onde as duas tribos Muirapinima (Azul e Vermelho) e Munduruku’s (Amarelo e Vermelho) são responsáveis por um verdadeiro espetáculo a céu aberto em um espaço cultural denominado Tribodromo, o qual as tribos se preparam durante o ano para fazer uma apresentação de 3 horas de duração, onde é recriado um cenário totalmente folclórico voltado a cultura indígena, com apresentações de coreografias contemporâneas, gigantescas alegorias, indumentárias, itens individuais, músicas de composição de artistas locais e regionais, artes plásticas, designer, show pirotécnico, lendas amazônicas, musicalidade e outros aspectos culturais.

Com isso a arte da criação tem como fundamento o fortalecimento a tradição indígena, sempre valorizando a cultura local, dando oportunidades aos que buscam na arte um modo de vivência diferente promovendo a interação social, inclusão e sustentabilidade.

Avalie este item
(0 votos)
Turismo Aqui

Turismo Aqui é um canal de viagem que destaca o turismo na Amazônia. O objetivo é integrar a região Norte através dessa atividade econômica que faz uma ligação direta com a maior vocação de todas os estados da região, que tem na natureza uma vantagem competitiva significativa. Vídeos novos são lançados toda terça e sexta-feira, às 18h. Eventualmente, postamos aos domingos.

https://www.youtube.com/turismoaqui

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Facebook

Oi! Clique em nosso atendente abaixo para conversar no WhatsApp ou envie um email para atendimentoturismoaqui@gmail.com.br

Fale conosco via Whatsapp
Close and go back to page